PROJECCÃO DO FILME DO GRANDE RITUAL DE JUNHO E EXPOSIÇÃO

 (2 de junho de 2018)

No sábado 2 de junho, o Centro Lusitano de Unificação Cultural vai realizar a projeção pública integral do filme da Festa da Circulação de Luz realizada em Junho de 2002 (“Ritual da Lua Cheia de Junho”). Foi um evento inesquecível – pelo serviço espiritual prestado, pelo ambiente único de fraternidade, pela beleza incomparável, pela multidão (duas mil pessoas) que se uniu neste propósito. Vamos rever as imagens, voltar a ouvir os sons, as músicas e as palavras marcantes, e pensar em outros grandes eventos vindouros. Haverá também uma exposição de um conjunto de materiais e artefactos utilizadas nessa e em anteriores celebrações (anualmente desde 1993).

O evento terá lugar em Lisboa, na sala principal da União das Associações de Comércio e Serviços, sita na Rua Castilho, nº 14 (autocarros: 207, 709, 711, 732, 736, 746, 783; Metro: Linha Azul – Estação Avenida; estacionamento automóvel muito fácil).

O programa é o seguinte:

14h00 – Abertura das portas e da Exposição

15h30 – Início do Filme

20h00 – Encerramento das portas e da Exposição

(O filme tem a duração aproximada de 2h40 e não haverá intervalo.  A Exposição pode ser visitada antes ou após a passagem do filme).

O preço de participação por pessoa são os seguintes: simples – 10 €.; incluindo o livro Ritual da Circulação da Luz (que descreve e explica, em todos os seus aspectos, o significado, o simbolismo e a envolvência do grande evento) – 15 €

Toda a informação e plataforma para efectuar inscrições pode ser encontrada aqui: https://centrolusitano-ritualdejunho.com/. As inscrições poderão também feitas através directamente na sede no CLUC, na Rua Pascoal de Melo, nº 4 – 1º, em Lisboa, de 2ª a 6ª feira, das 14h às 19h30. Qualquer questão pode ainda ser esclarecida por telefone (218 128 596) ou através dos emails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.." style="color: #000000;">Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..  Imperdível!



HELENA BLAVATSKY: A SABEDORIA UNIVERSAL

(de 8 a 16 de maio de 2018)

O Presidente do Centro Lusitano de Unificação Cultural foi convidado para organizar uma exposição sobre Helena Blavatsky, em Lisboa.

Helena Blavatsky (1831-1891) foi sem dúvida uma das mais poderosas, originais e influentes pensadoras dos últimos séculos. Fundadora da Sociedade Teosófica e autora de vários livros (dois deles com mais de 1 500 páginas cada) e de numerosos artigos, viu as suas ideias chegarem às sete partidas do mundo. Muitas coordenadas espirituais, filosóficas, religiosas, psicológicas, científicas, ecológicas e universalistas do presente foram por ela antecipadas e, no seu tempo, recebidas com espanto. A dimensão da sua influência ainda não é suficientemente conhecida, e muitos equívocos ainda subsistem. Contribuir para o necessário esclarecimento acerca de uma figura que de tal modo desafia a vulgaridade, é o objetivo desta organização.

O evento terá lugar na Galeria Sá da Costa, Rua Serpa Pinto, nº 19, em Lisboa.  Estarão expostos 24 grandes painéis com os factos mais importantes da vida de Helena Blavatsky e, sobretudo, do seu trabalho espiritual e teosófico, devidamente contextualizado e comentado, acrescidos de ilustrações e documentos alusivos.  A abertura terá lugar no dia 8 de maio, às 17h, e o encerramento no dia 16 de maio às 21h15m. Do segundo ao último dia, as visitas podem ter lugar entre as 14h e as 19h30m, com exceção de domingo. Nos dias 8, 12 e 16 de maio, haverão outras atividades específicas:

8 de maio (terça-feira)

17h –  Abertura da exposição

18h45m – “Teosofia: Uma Teoria-Prática de Tudo”.

Intervenções de José Manuel Anacleto (Comissário da Exposição, Presidente do Centro Lusitano de Unificação Cultural, Editor da Revista Biosofia), Barend Voorham (membro da Sociedade Teosófica de Point Loma – Blavatskyhouse, e editor de revista teosófica em Inglês e Holandês); Bruno Carlucci (Professor Universitário, tradutor e pesquisador do Budismo Indo-Tibetano. Membro da Loja Brasília da Sociedade Teosófica do Brasil-Adyar), e José Carlos Calazans (Professor Universitário, Historiador e Orientalista). Final cerca das 21h.

12 de maio (sábado)

16h – Lançamento de O Budismo Esotérico, de A. P. Sinnett

16h30m – “Teosofia, Budismo no seu duplo sentido, e a Tradição-Sabedoria”. Tertúlia com intervenções de Barend Voorham, Bruno Carlucci, José Carlos Calazans e José Manuel Anacleto. Final cerca das 18h45m.

16 de maio (quarta-feira)

18h45m – Visita Guiada à Exposição, com José Manuel Anacleto e Ana Maria Coelho de Sousa (Secretária-Geral da Sociedade Teosófica de Portugal-Adyar)

19h45m – Colóquio “Compaixão, a Lei das Leis”. Intervenções de Bruno Carlucci, José Manuel Anacleto e Maria Manuel Barnabé (membro da Sociedade Teosófica de Portugal).

21h15m – Encerramento da exposição.

A visita á exposição é livre. A presença nos eventos dos dias 8, 12 e 16 implica pagamento de bilhete de 4 € por evento. Pode ainda adquirir um bilhete de 10 € que lhe permite assistir aos três eventos. Em qualquer dos casos, deve ser feito no local. Estarão disponíveis muitos livros de (e sobre) Helena Blavatsky. Mais informação em: https://www.facebook.com/events/555499718160068/

 

Cartaz prprio HPB       

 

Facebook Oriente Luz2